terça-feira, 14 de junho de 2016

Vivência com o escritor Oswaldo de Camargo

O ANGANA - Núcleo de Pesquisa e Educação Patrimonial em Territórios Negros em São Paulo - em parceria com Centro Cultural Penha e com a 15ª Festa do Rosário dos Homens Pretos da Penha de França convida para:

O Lançamento dos livros Raiz de um Negro Brasileiro e Lino Guedes - seu tempo e seu perfil, ambos do renomado escritor Oswaldo de Camargo, pela Ciclo Contínuo Editorial.

Dia 15/06/2016 as 19h no Centro Cultural da Penha, Largo do Rosário, 20.

Oswaldo de Camargo (Bragança Paulista, 1936) é jornalista, com carreira de revisor no jornal O Estado de São Paulo. Palestrante, tem ministrado cursos de Literatura em várias escolas e Universidades do país. Ativista da cultura afro-brasileira, foi um dos fundadores do Grupo Quilombhoje, coletivo de autores voltados para a publicação, discussão e divulgação da Literatura Negra em nosso país.Como escritor, contam-se entre suas obras: O Negro Escrito-Apontamentos sobre a Presença do Negro na Literatura Brasileira (estudos literários). O Carro do Êxito (contos); O Estranho (poemas); Oboé (novela). Já recebeu vários prêmios por sua obra e hoje é conselheiro do Museu Afro Brasil em São Paulo.


Olhares sobre o Rosário

No último domingo, dia 12/06, tivemos a Missa Campal com a presença de vários grupos tradicionais e culturais que homenagearam os reis coroados Tita Reis e Glória. Os novos reis de festa 2016/2017 foram coroados pelo Moçambique Cambaiá de Mestre Silvio.
Recebemos belos registros da cerimônia, os quais compartilhamos a seguir, parabéns às fotógrafas Carolina Conti e Tatiana Vasconcellos e o fotógrafo Ivan.







































Levantamento do Mastro, abertura dos Festejos

Depois de duas semanas de incessante chuva, chegamos no domingo de abertura dos festejos.
No dia 5 de junho tivemos a tradicional Celebração Afro-brasileira do Rosário, conduzida pela Comissão do Rosário, da qual destacamos o Celebrante José Morelli, o mestre de cerimônia Carlos Casemiro e o líder e intérprete do grupo musical de "liturgia dos atabaques" Sérgio Oliveira. Tivemos participação especial da Pastoral Afro Jesus Adolescente, nossa Salmista Marlei Madalena da Boa Morte, Família Oliveira Estevam do Cangaíba, Tia Tereza e a coordenação de Selma Casemiro.
Segue abaixo as fotos do fotógrafo Osmar Moura que captou através de suas lentes importantes momentos da cerimônia e do levantamento do mastro. 
O levantamento do mastro é um símbolo de grande importância para as manifestações culturais tradicionais vivas, pois é a materialização da palavra "religião": religare, religar, representando a união entre a Terra e o Céu, vivos e mortos, corpo e alma. O mastro também é uma forte imagem da relação do homem com a natureza, e da "fertilização" projetada nos desejos, pedidos e sonhos depositados ao pé do mastro. 
O mastro traz no alto as imagens dos padroeiros da Igreja: Nossa Senhora do Rosário e de São Benedito marcando o inicio da Festa. O levantamento contou com a presença da Congada Rosa de Atibaia, da Congada Jesus Adolescente (Capitão Wagner Silva), do Padre Henúbio e de representantes da Comunidade Roda de Samba do Largo do Rosário.
Agradecemos a todos os participantes, em especial, aos que doaram mantimentos, aos que cederam equipamentos, aos que doaram tempo e trabalho para o preparo do café-da-manhã dos grupos convidados e para produção artística e litúrgica.